Banner
Abscesso periamigdaliano Imprimir E-mail

http/www.alexandre.med.br
 
 
Abscesso periamigdaliano

O que é?
Algumas vezes, amigdalites de origem bacteriana se estendem profundamente, formando uma cavidade com secreção purulenta (abscesso) nos tecidos ao redor da amígdala. Dentro desta cavidade, a bactéria continua a se multiplicar resultando em um aumento do volume desta secreção por distensão das estruturas vizinhas, que pode ser percebido pela assimetria das amígdalas afetadas.
O abscesso ao redor da amígdala requer a imediata atenção do médico, pois este pode se estender aos tecidos da região resultando em complicações potencialmente fatais.

Como se faz o diagnóstico?
Os sintomas mais comuns são a dor intensa da região amigdaliana, assimetria de um lado da garganta em relação à outra, dificuldade para abrir a boca, alteração do timbre da voz, "ínguas" (linfonodos) no pescoço e algumas vezes febre, dor de cabeça e desconforto no ouvido do lado afetado.
Pode ocorrer gosto muito desagradável na boca e odor fétido se o abscesso estiver drenando parcialmente secreções. Eventualmente, pode ocorrer drenagem espontânea; porém, a espera desse evento é extremamente arriscada!

Como se trata?
Na prática diária, uma vez instalado o abscesso, a drenagem é o único tratamento efetivo. Antibióticos não irão reduzir suficientemente a proliferação das bactérias no interior do abscesso para erradicarem a infecção. A drenagem desta coleção purulenta pode ser feita em consultório ; porém, o ambiente hospitalar é recomendado pelas potenciais complicações deste ato cirúrgico!
O uso de antibióticos é fundamental para evitar complicações sistêmicas e auxiliar os tecidos afetados a voltarem à normalidade.

Quando procurar seu médico?
Se você desenvolver uma dor de garganta e no seu auto-exame observar um aumento assimétrico na garganta, é hora de procurar um médico.
Perguntas que você pode fazer ao seu médico
Caso apresente um abscesso na região da amígdala, o que devo fazer primeiro?
Necessito ser submetido a procedimento cirúrgico sempre que apresentar abscesso peri-amigdaliano?
É obrigatória a retirada das amígdalas após um episódio de abscesso peri-amigdaliano?
Autores: Equipe ABC da Saúde
 
 
Fonte: http://www.abcdasaude.com.br
 
Banner

 

 

Os artigos contidos no portal visam apenas auxiliar o visitante e, em hipótese alguma, substituir a consulta médica.
©Copyright Otorrinolaringologia.com.br e seu logotipo são marcas registradas®. Proibida a cópia sem prévia autorização
Produzido com Joomla!
Nb41 Desenvolvimento de Site e Criação de Loja Virtual